Oportunidade de bolsa para monitoramento de liberdade de expressão

A Relatoria Especial para a Liberdade de Expressão da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) está com inscrições abertas até 11/12 para a bolsa Liberdade de Expressão Orlando Sierra. Os candidatos devem ser cidadãos de um Estado membro da OEA e falar espanhol e inglês. Outros requisitos e a documentação necessária estão disponíveis no site de inscrição. A bolsa tem início em 15 de fevereiro e duração de 11 meses, em Washington, nos Estados Unidos. O objetivo da entidade é que os bolsistas colaborem no monitoramento sobre liberdade de expressão nas Américas. Orlando Sierra Hernández, que dá nome à bolsa, foi diretor-adjunto do diário La Patria, em Manizales (Colômbia), e escrevia uma coluna dominical chamada Punto de Encuentro, na qual criticava a política e a corrupção. Ele foi baleado na frente do prédio do jornal em 30 de janeiro de 2002 quando chegava para trabalhar com sua filha. Vários de seus colegas criaram o Projeto Manizales para investigar sua morte.