Leda Nagle é dispensada da TV Brasil

Com um longo post no Facebook na manhã desta quinta-feira (8/12), a apresentadora do Sem Censura, Leda Nagle, explicou que foi demitida da TV Brasil na quarta (7). Em tom indignado e triste, Leda revelou sua perplexidade “com a falta de caráter em dar a palavra de que estava tudo certo, que o contrato seria renovado”. Segundo ela, dois meses atrás o comando da EBC havia confirmado a renovação de seu contrato, dependendo apenas de questões burocráticas. No entanto, ainda segundo Leda, o presidente Laerte Rimoli a teria demitido alegando falta de dinheiro. Veja o post na íntegra:   Ainda na quarta-feira – quando vazou a informação de que Leda teria sido demitida –, a EBC divulgou nota em que afirma a intenção de manter o Sem Censura, mas, ao mesmo tempo, informa estar sendo obrigada a rever esse e outros contratos: “A renovação do contrato da apresentadora Leda Nagle, que comanda o programa Sem Censura, exibido diariamente na TV Brasil, está sob reexame da Direção da Empresa Brasil de Comunicação (EBC). A EBC está empenhada em manter o Sem Censura na grade de exibição da TV Brasil com a apresentadora à frente do programa, mas está sendo obrigada a rever este e outros contratos devido à severa restrição orçamentária por que passa a Empresa e o país de forma geral. A ideia é fazer uma repaginação do programa em 2017. No comando do Sem Censura há 20 anos, Leda Nagle é parte importante da história, não só da TV Brasil, como da televisão brasileira por sua competência, eficiência e profissionalismo”. Enquanto isso, nas redes sociais, a manifestação pela continuidade do programa e permanência de Leda na EBC é intensa com a #ficaledanagle.