Milton Blay

Milton Blay nasceu em São Paulo, numa madrugada carnavalesca de 1951, filho de imigrantes poloneses. Formado em Direito pela USP e Jornalismo na Faculdades Integradas Alcântara Machado. É mestre em Economia e doutor em Ciências Políticas pela Universidade de Paris.

 

O correspondente da Rádio BandNews FM na capital francesa diz que entrou no jornalismo de rádio por causa da namorada que trabalhava na Pan. Na época a rádio estava à procura de um repórter correspondente em Paris, ele se apresentou para o emprego. Virou jornalista, mas o namoro não vingou.

 

Apesar da entrada na rádio Jovem Pan, (ganhou pela emissora o prêmio Esso de melhor programa de rádio) explica que a primeira experiência jornalística foi no Grupo Visão, apresentado pelo tio ao Henry Maksoud, dono do grupo. A primeira matéria de capa foi sobre Sorocaba (cidade do interior de São Paulo) para a revista Dirigente Municipal. Considera a sua entrada no jornalismo de rádio como uma oportunidade que surgiu logo no início da carreira. 

 

Depois passou por Excelsior, Capital, Record, Eldorado e Bandeirantes. Sobre essa trajetória confessa: “Posso dizer que [o rádio] virou paixão”. E continua, “acredito que ao contrário de outras profissões, o jornalismo exige paixão. Eu não conheço um só jornalista de rádio que não seja apaixonado pelo que faz e pelo veículo”.

 

Blay está em Paris desde 1978, onde trabalhou como correspondente em Paris da Revista Visão, da Folha de S.Paulo, da Rádio Eldorado e redator-chefe da Rádio França Internacional. Participa também do Jornal Gente, da Rádio Bandeirantes. Suas entradas ao vivo na BandNews são abertas com a frase: “Hoje o termômetro da Torre Eiffel  em Paris marca “X” graus, o tempo está…”.

 

Com mais de 40 anos de trajetória no jornalismo, Blay completa em 2014, 35 anos só em Paris. De lá, traz notícias recentes da Europa e do mundo. Sobre a atuação como correspondente internacional lembra que o trabalho envolve a questão do fuso horário, que precisa ser sincronizado com o do Brasil, para a entrada ao vivo. Outro aspecto é o fato. Ele envia as sugestões dos assuntos mais importantes do dia e o Ricardo Boechat âncora do Jornal da Band e da BandNews, por exemplo, escolhe uma ou duas. No Jornal Gente da Rádio Bandeirantes o apresentador José Paulo de Andrade propõe os assuntos a serem abordados de acordo com o tempo disponível e o interesse da atualidade.

 

Correspondente em Paris da BandNews FM, Milton Blay lançou no Brasil em maio de 2014, o livro Direto de Paris – coq au vin com feijoada, pela editora Contexto. O livro reúne histórias que o jornalista viveu em seus 35 anos em Paris. Desde 1978, quando o jornalista se mudou para lá, passou a explorar a cidade e os principais acontecimentos em torno da França. “Esse livro são histórias que eu vivi aqui na França, inúmeros encontros”, afirma Blay. 

O correspondente concedeu à repórter do Jornalistas&Cia, Georgia Aliperti, uma entrevista sobre o lançamento. Acompanhe o que ele disse em Milton Blay lança livro sobre seus mais de 30 anos em Paris.

 

 

 Atualizado em maio/2014 – Portal dos Jornalistas

Fonte:

Jornalistas&Cia – em 19/05/2014

http://bandnewsfm.band.com.br/colunista.aspx?cod=93

Café.com

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *