Mauro Beting

Mauro Alexandre Zioni Beting é neto, filho, sobrinho, primo, irmão e marido de jornalistas. Natural de São Paulo (SP), onde nasceu em 2 de setembro de 1966, formou-se em Direito na Universidade de São Paulo (USP) e em Jornalismo nas Faculdades Integradas Alcântara Machado (Fiam/SP), onde foi professor de 1990 a 1993. Assistiu aulas de arbitragem e fez curso para treinador de futebol.
 
Está na Imprensa desde 1987, mas publicou seu primeiro trabalho – um desenho, já sobre o futebol – na Folhinha, caderno infantil da Folha de S.Paulo, em 1974. Começou a carreira como crítico musical e repórter político, mas em 1990 passou para a área esportiva, logo após fazer uma matéria sobre os sete anos da morte de Garrincha. Já foi comentarista da rádio Gazeta e dos canais SporTV, ESPN Brasil e TV Record.
 
Desde 1995, escreve uma coluna diária de Esportes no jornal Agora São Paulo. Também como colunista, escreve semanalmente no portal de esportes do Yahoo, no Lance!Net (site da revista Lance!), na revista e site Trivela, bem como no site Futebol Europeu. Apresenta programas do Bandsports e da TV Esporte Interativo, além de ser comentarista em programas e partidas de futebol para a rádio e TV Bandeirantes.
 
Em 2011, ganhou o prêmio Ford-Aceesp como o Melhor Comentarista Esportivo de Televisão e Melhor Comentarista de Rádio.
 
Lançou o seu primeiro livro em dezembro de 2003: Bolas & Bocas – Frases de Craques e Bagres do Futebol, publicado pela editora Leia Sempre. Para a Panda Books, em 2007, escreveu O Dia Em Que Me Tornei Palmeirense. Em 2009, lançou Os Dez Mais do Palmeiras, parte da coleção Ídolos Imortais, da Maquinária Editora. Em 2010, foi a vez de As Melhores Seleções Estrangeiras de Todos os Tempos, pela Editora Contexto. Com André Rocha, escreveu 1981 (Maquinária, 2011), sobre o fantástico time do Flamengo daquele ano. Mandou para as livrarias o livro/audiolivro Palmeiras (Panda Books, 2012), da coleção Futebol É Com a Bandeirantes. Em 2012, lançou Nunca Fui Santo: O livro oficial do Marcos (Universo dos Livros), biografia do ex-goleiro do Palmeiras e da Seleção Brasileira, e A Ira de Nasi (Belas Letras), com Alexandre Petillo, biografia do roqueiro brasileiro.
 
A partir de maio de 2013 começou a analisar a ida para o canal Fox Sports, conforme confirmou ao Portal dos Jornalistas: “Desde maio converso com o Fox Sports. E a Band sabe das minhas conversas. A Band, o Bandsports e o Esporte Interativo, as três emissoras de televisão onde trabalho, sabem. No dia em que fui demitido da Rádio Bandeirantes, em primeiro de agosto de 2013, a direção da emissora também foi informada de que converso com o Fox Sports. As negociações têm evoluído”. Mauro ainda elogiou o Grupo Bandeirantes: “Sempre me ensinou muito de tudo e de todos. E a cada dia me ensina mais a ser profissional”. Ao final das negociações foi para a Fox.
 
Em 28 de novembro de 2013 foi indicado como finalista para receber Troféu Ford Aceesp 2013, na categoria Comentarista de Rádio pela atuação na Bandeirantes, e na Fox Sports para onde migrou. 
 
Em dezembro de 2013 Mauro Beting lançou o livro 20 jogos eternos do Palmeiras. A edição lançada pela Maquinária editora faz parte da Coleção Memória de Torcedor, que resgata os maiores jogos da história dos grandes clubes brasileiros. No livro estão as partidas que, ao longo dos anos, forjaram a força do tradicional clube do Parque Antárctica.
 
É possível reviver com Beting os grandes momentos protagonizados por ídolos como Oberdan Cattani, Julinho Botelho, Ademir da Guia, Evair, Marcos, entre muitos outros craques. Numa edição caprichada, com um caderno em cores que traz infográficos de gols, fotos de times de todas as épocas e caricaturas com perfis de grandes ídolos, esse livro vai ser mais um motivo de orgulho para o torcedor palestrino.
 
Beting retornou à Bandeirantes e em abril de 2015 deixou a emissora e migrou para Jovem Pan. No Twitter o jornalista comentou a saída da Band e a entrada na Pan: “Foram 12 anos maravilhosos. Sigo no Fox Sports, Lance! e Lancenet!. E fazendo docs, livros e PES’, escreveu, em referência também ao jogo de videogame em que é comentarista. Comemorou o acerto com a emissora “Eu só posso falar com muita emoção que vambora, vambora, tava na hora de eu vir para a Pan’, vibrou.
 
Mauro Beting estreou em primeiro de abril/2016 na bancada do novo programa da Fox Sports: Raio Fox.  A nova atração das noites de sexta-feira do canal será comandada por Paulo Vinícius Coelho, o PVC, ao lado de Mauro e Jose Eduardo Romanini e pretende trazer para o mundo do futebol uma visão diferenciada das análises táticas e estatísticas dos principais jogos de futebol disputados no Brasil e no mundo.  

A cada programa, o trio de especialistas, promete explicar e analisar jogadas, lances e resultados com números, gráficos e muita interatividade.

Mauro Betting ressaltou o trabalho da emissora em apostar em algo novo no Brasil. “Fico feliz pelo programa. Há dez anos eu vinha batalhando esse formato em outra emissora, mas só o Fox Sports nos deu a abertura, acreditou na ideia, no potencial e sabe que temos público para isso. Vamos fornecer elementos para que o telespectador compreenda melhor os jogos. É impossível explicar tudo, mas contra fatos não há argumentos! ”, explicou Betting ao site da emissora.

 

Atualizado em abril/2016 – Portal dos Jornalistas

Fontes:
Informações da Assessoria de imprensa, Spokes Man, por Mauricio Storelli.
Jornalistas&Cia Edição 859
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *