Matias Spektor

Matias Spektor é bacharel em Relações Internacional pela Universidade de Brasília, desde 1999, na mesma instituição de ensino também concluiu mestrado em 2002. Pela Universidade de Oxford, em 2003, recebeu o máster em Política da América Latina.

Trabalhou para as Nações Unidas antes de completar seu doutorado, em 2007, na Universidade de Oxford, no Reino Unido. Foi pesquisador visitante no Council on Foreign Relations, em Washington, e ocupou a Cátedra Rio Branco em King's College, Londres. Nesse período, ao longo de 2013, ficou de licença do cargo de professor adjunto de Relações Internacionais na FGV.

Lançou em setembro de 2009 o livro Kissinger e o Brasil pela editora Jorge Zahar, Rio de Janeiro. A obra aborda fatos como os canais secretos de comunicação de Henry Kissinger (diplomata americano) com Brasília, que formalizou na época uma política de consultas oficiais e criou métodos para evitar desavenças durante a ditadura militar brasileira, na década de 1970. O livro é um estudo sobre a operação diplomática, examina os bastidores do momento político brasileiro, baseado em entrevistas, em especial com Kissinger, e em documentos tornados públicos.

Um ano depois lançou o Azeredo da Silveira: um depoimento, pela Editora FGV, 2010, Rio de Janeiro. De acordo com o livro uma das transformações mais profundas no comportamento internacional do Brasil foi levada a cabo pelo ministro das Relações Exteriores, entre 1974 e 79, Antônio Francisco Azeredo da Silveira. O depoimento gravado entre 1979 e 1982 apresenta o temperamento e o pensamento desse ministro do governo do general Ernesto Geisel: um homem obcecado por política internacional, vivendo as contradições da época. Ilustra a força e a vivacidade do diplomata brasileiro.

Ainda em 2010 lançou com Dani Nedal, Spektor O Que a China Quer? trazendo interpretações sofisticadas sobre o impacto da China nas relações internacionais do século XXI. Alguns dos maiores especialistas no tema debatem as fontes do poder chinês, suas estratégias na Ásia, seu engajamento com normas internacionais e o papel da China na construção da ordem global. O livro é um ‘entenda’ sobre a complexa transição de poder que o mundo (ainda) vive nos dias de hoje. Editora FGV.

Na sequência lançou o livro 18 dias: Lula, Fernando Henrique e a Casa Branca de George W. Bush, foi publicado pela editora Objetiva em agosto de 2013, Rio de Janeiro. A Ilustríssima da Folha de S.Paulo adiantou em artigo trechos do livro em primeira mão, em dezembro de 2012.

Matias assina uma coluna quinzenal na Folha de S.Paulo, em Mundo, desde 2009, e já publicou junto ao New York Times/International Herald Tribune. Também coordena também a Coleção de Bolso Entenda o Mundo da Editora da FGV e o MBA em Relações Internacionais da FGV.

Foi pesquisador visitante na London School of Economics, Council of Foreign Relations e Woodrow Wilson International Center for Scholars. Os trabalhos de Matias receberam vários apoios: CNPq, FAPERJ, FINEP, IPEA, Carnegie Corporation of New York, Fundação Volkswagen e Fundação Hewlett.

Matias fundou e coordenou o Centro de Relações Internacionais da FGV entre 2009 e 2012, sediado no CPDOC.

Tem artigos publicados em vários jornais nacionais e internacionais. Além da Folha nas versões impressas e online. Entre eles estão os artigos: The Arab Spring, Seen from Brazil, Latitude: Views from Around the World, IHT Global Opinion, em 23/12/2011; Are Brazil protests the new normal? Que escreveu em parceria com Ryan Berger para o CNN's Global Public Square, em 31/07/2013.  Um pouco antes redigiu para Financial Times, o artigo A place at the top of the tree, em 22/02/2013.

O New York Times publicou a análise sobre o Brasil que Obama conheceu em Mr. Obama, Meet the New Brazil. Em maio de 2010 Matias redigiu para o First Take – Council on Foreign Relations um explicação em Why Brazil is a broker with Iran.

Outras abordagens de Matias Spektor estão disponíveis em Artigo e Publicações no site da Fundação Getúlio Vargas/Relações Internacionais.

 

 

Atualizado em novembro/2013 – Portal dos Jornalistas

Fontes:

http://ri.fgv.br/sites/default/files/publicacoes/A%20Casa%20Branca%20de%20Lula%20-%20Matias%20Spektor.pdf

http://ri.fgv.br/equipe/matias-spektor

http://latitude.blogs.nytimes.com/author/matias-spektor/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *