Gaudêncio Torquato

Francisco Gaudêncio Torquato do Rego nasceu na cidade de Luís Gomes (RN) em 8 de abril de 1945.  É bacharel em jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap/PE) e doutor em comunicação pela Escola de Comunicação Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP/SP).
Aos 17 anos de idade iniciou sua vida de jornalista atuando como colaborador de jornais e revistas no Recife (PE). Entre e 1962 a 1966 trabalhou a em várias das principais publicações do país, como por exemplo: Correio da Manhã (RJ) e Jornal do Brasil (RJ).
Em 1966 venceu o Prêmio Esso de Jornalismo na categoria Científica, por uma série de reportagens sobre a doença da barriga d?água.
No ano de 1967, mudou-se para a capital paulista e foi convidado pelo jornal Folha de S.Paulo (SP) para participar da elaboração de suplementos especiais regionais do jornal.
Interessado no debate e pesquisa sobre Jornalismo, ele foi convidado a dar aulas na Faculdade de Jornalismo Cásper Líbero e passou a integrar seu corpo docente em 1968, ministrando cursos sobre Jornalismo Interpretativo e Comparado. Em 1968, ingressou como professor assistente da ECA-USP.
Na década de 1980 decidiu migrar das grandes reportagens para o jornalismo empresarial. Foi então que fundou a GT Marketing e Comunicação, empresa que preside até hoje. Além de atuar como consultor político e professor na USP, Gaudêncio publica uma coluna aos domingos no jornal O Estado de S.Paulo (SP). Também é autor de diversos livros sobre marketing político. Sua última obra, Era uma vez mil vezes – O Brasil de todos os vícios (2012), trata sobre a cultura política brasileira.
Atualizado em julho/2012 – Portal dos Jornalistas
Fontes:
Jornalistas&Cia Edição 852

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *