Djalma Neto

(Florianópolis/SC, 14 de abril de 1981 – La Unión/Colômbia, 29 de novembro de 2016)
 
Djalma Araújo Neto nasceu em Florianópolis (SC), no dia 14 de abril de 1981.
 
Desde 2003 era repórter cinegrafista da RBS TV de Florianópolis. Considerado pelos colegas como “um dos melhores olhos da televisão catarinense”, era um dos cinegrafistas mais experientes da emissora. Cobriu os Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro 2007. Trabalhava atualmente nas coberturas esportivas da programação. Acompanhou profissionalmente toda a ascensão da Associação Chapecoense de Futebol desde a Série D do Campeonato Brasileiro.
 
Também tinha uma produtora e era vice-presidente da Associação de Repórteres Fotográficos e Cinematográficos de Santa Catarina (Arfoc/SC).
 
Estava no voo que levava os jogadores da Chapecoense a Medellín (Colômbia) – onde a equipe catarinense disputaria o jogo de ida da final da Copa Sul-Americana contra o Club Atlético Nacional –, que caiu na madrugada de 29 de novembro de 2016 próximo ao aeroporto internacional da cidade, matando 71 pessoas, entre elas o cinegrafista. Levava o equipamento de gravação na mochila de mão para documentar a chegada dos jogadores desde a chegada à Medellín.
 
Torcia para o Avaí Futebol Clube, de Florianópolis.
 
 
Atualizado em novembro de 2016
 
Fontes:

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *