Beto Magalhães

Carlos Alberto Cardoso Magalhães, mais conhecido como Beto Magalhães, nasceu na capital paulista, em 28 de dezembro de 1955. Mudou para Belo Horizonte ainda criança. Estudou Comunicação Social com ênfase em Jornalismo na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC/ MG). 

No início da década de 80, mudou-se para Califórnia (EUA), onde estudou fotografia na Universidade da Califórnia, Los Angeles (UCLA). Lá, um dos professores, observando o trabalho desenvolvido por Beto, incentivou-o a investir na área do fotojornalismo, pois em suas fotos já era possível perceber o olhar característico da profissão.

Em 1984, já de volta a Belo Horizonte, foi indicado por esse mesmo professor para trabalhar no jornal Estado de Minas como repórter fotográfico.

Cinco anos depois, largou o jornal e montou um estúdio próprio (Magia Produções), onde trabalhou em vários projetos, produzindo fotografias publicitárias, books, moda, dentre outras coisas.

O estúdio funcionou até 1994, quando, então, Beto assumiu o cargo de repórter fotográfico no Jornal Hoje em Dia. Nessa época, chegou a produzir algumas matérias, dentre elas, uma série sobre as vítimas do massacre de Eldorado dos Carajás (PA), caso de repercussão nacional um ano antes.

Beto e a repórter Luciene Takahashi, voltaram à região do massacre um ano depois e resgataram a história de cada um dos massacrados na época. Localizaram parentes, reproduziram fotos, reconstruíram a biografia de cada vítima. Foram oito dias de cobertura e oito páginas de publicação. Um caderno inteiro, que rendeu à dupla de jornalistas, o primeiro lugar no Prêmio Esso regional de 1997. Fato de destaque na carreira.

Em 2000, recebeu um convite para atuar como repórter fotográfico no Jornal Estado de Minas, onde permanece desde então.

Possui no currículo grandes coberturas regionais, nacionais e internacionais, como os jogos do Cruzeiro Esporte Clube em Tóquio, no Japão, pela Copa Libertadores. 

Hoje, é um apaixonado pelo que faz e se sente abençoado por poder olhar o mundo através dos olhos do profissional que se tornou. Segue em outubro de 2015 fotografando para o o jornal O Estado de Minas.

 

 

Atualizado em outubro/2015 – Portal dos Jornalistas 

Fontes:

http://www.em.com.br/app/noticia/especiais/festivais-de-inverno/2015/08/19/noticia_festivais_de_inverno,679855/festival-de-tiradentes-traz-atracoes-culinarias-do-norte-nordeste-e-d.shtml

Fonte:

Informações anteriores fornecidas pelo próprio jornalista.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *