Aydano Roriz

Aydano Roriz nasceu no dia 6 de junho de 1949, em Juazeiro (BA). Estudou Ciências Econômicas e Administração de Empresas. Após crescer em Salvador (BA), se mudou para São Paulo (SP) em 1976. Trabalhou em revistas desde 1972, passando por diversos veículos da Editora Abril. Chegou à direção da Playboy (SP), Quatro Rodas (SP), Cláudia (SP), Nova (SP) e Capricho (SP).
Saiu da Abril para fundar a Editora Europa, em 1986. Depois de um começo difícil ? manteve somente uma única publicação nos primeiros sete anos, a revista Natureza (SP) ?, em 2009, fechou o ano com 13 revistas mensais e cinco bimestrais, além de publicar mais de 50 títulos de livros em diferentes áreas.
Como escritor, seu livro de estreia foi Os diamantes não são eternos (Europa/1998), um trabalho de 12 anos, lançado em 1999 nos Estados Unidos com o título Diamonds are forgiving. Na sequência, publicou seis livros: 1549 ? Romance nas terras de Santa Cruz (Europa,1999); O Desejado (Prestígio, 2002); O Fundador (Ediouro/Sinergia, 2003); O Livro dos Hereges (Ediouro/Sinergia, 2004); Van Dorth ? A saga dos hereges continua (Ediouro, 2006), e Nova Lusitania (Europa, 2008). Escreve suas obras em seu apartamento no Funchal, na Ilha da Madeira (Portugal).
Em 1998, criou, junto com sua esposa, a psicóloga Tânia Marília Ribeiro Roriz, em Salvador, o Instituto Tânia e Aydano Roriz, instituição filantrópica reconhecida pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) em 2002, voltada ao fomento do progresso das comunidades, por meio do aperfeiçoamento cultural de cada indivíduo.
Atualizado pelo Portal dos Jornalistas em Setembro/2011
Fonte: Livro do próprio autor.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *