André Gustavo Stumpf

André Gustavo Stumpf Alves de Souza nasceu em Petrópolis (RJ), em 10 de maio de 1946. É formado em Direito pela Universidade de Brasília UnB/DF), em 1970, e pós-graduado em Política Latino Americana pela Universidade Johns Hopkins, em Wahington (EUA).
Começou a carreira jornalística em 1967, no jornal Correio Braziliense (DF), onde trabalhou como repórter até 1970. Nesse ano, foi para a sucursal da revista Manchete (RJ), também como repórter. Em 1974, esteve na sucursal de Veja, onde chegou a exercer a função de chefe de redação, o mesmo ocorrendo na IstoÉ, onde entrou em 1976.
Em 1986, foi para o Jornal do Brasil ser coordenador de Política, permanecendo no cargo até 1989. Entre 1997 e 1998, foi diretor de Redação do Diário de Pernambuco. Em 2002, ocupou o cargo de diretor geral da TV Brasília (DF), onde foi apresentador do programa Falando Sério e permaneceu até 2007. Em 2008, passou a ser colunista do Jornal de Brasília (DF), onde publica seus comentários sobre política nacional e internacional aos domingos. Edita, também, o blog Texto e Contexto, alocado no portal do jornal.
Venceu o Prêmio Esso de Jornalismo 1979, na categoria Regional, pela série de reportagens A segunda guerra; sucessão de Geisel, publicada no Jornal de Brasília, escrita em parceria com Merval Pereira. A série virou livro com o mesmo título (Brasiliense, 1979) e tornou-se referência para estudos da época. Ganhou, ainda, os prêmios Engenho de Comunicação, na categoria Regional, em 2005 e em 2006. E publicou o livro Da minha janela ? Crônicas da Politica Brasileira (LGE, 2010).
Lecionou na Universidade de Brasília (UnB) e morou em Roma, onde foi correspondente de vários jornais.
Atualizado em Novembro de 2011.
Fonte:
Informações remetidas pelo jornalista.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *