IWMF busca mulheres jornalistas para reportagens na África

A International Women’s Media Foundation está à procura de jornalistas mulheres interessadas em realizar uma viagem para a produção de reportagens na Tanzânia e em Ruanda, em fevereiro de 2017. Elas fazem parte do programa African Great Lakes Reporting Initiative, organizado pela IWMF. Um grupo de seis jornalistas irá produzir reportagens sobre o desenvolvimento rural e econômico da cidade de Mwanza, no norte da Tanzânia. Ao mesmo tempo, um segundo grupo de seis repórteres fará a cobertura do engajamento cívico na capital de Ruanda, Kigali. A viagem será de 17 a 28 de fevereiro. Ambos os grupos de jornalistas iniciarão sua jornada em Nairóbi, no Quênia, onde receberão orientações sobre a história da região, além de um treinamento de três dias sobre ambientes hostis e primeiros socorros. Depois, as jornalistas seguirão para seus destinos finais. A IWMF cobrirá todas as despesas de viagem, como vistos, passagens aéreas, hospedagem, alimentação e tradutores.  As interessadas em se inscrever devem ter três ou mais anos de experiência profissional (estágios não contam), fluência em inglês e provar o interesse de um editor ou ter um histórico de publicação em veículos de comunicação proeminentes. Inscrições até 6/12 no site do IWMF.