Facebook censura nota do Congresso em Foco e a restaura quatro dias depois

O Congresso em Foco publicou em 28/8 matéria sobre três deputados que pediram reembolso à Câmara de despesas com tevê por assinatura que incluíam o pagamento de gastos com os chamados “canais adultos”. Segundo Sylvio Costa, diretor do portal, “o fato teve repercussão estrondosa, em especial no facebook, onde o post rapidamente alcançou mais de 200 mil visualizações e gerou milhares de comentários, compartilhamentos e likes”. Mas um dia depois o site foi surpreendido por uma mensagem publicada no próprio facebook informando sobre a remoção do conteúdo por “violação dos padrões da comunidade” da rede social. As explicações só viriam no início da tarde desta 3ª.feira (2/9), sob a forma de nota: “O Facebook removeu indevidamente o post em questão e já agiu para corrigir o engano. O conteúdo foi restaurado”. Jornalistas&Cia apurou que, como houve uma denúncia contra o post, o FB o remove até uma segunda análise sobre a questão e o faz, segundo garante, para proteger a informação pessoal dos usuários. Neste caso, três deputados foram nominalmente citados, daí o cuidado. Depois de constatar que o assunto já era de domínio público e que portanto não era uma denúncia vazia ou infundada, a empresa restaurou o conteúdo, o que aconteceu nesta 3ª pela manhã.