Memórias da Redação ? O briefing

A história desta semana é uma colaboração de Eduardo Octaviano (e.octaviano@hotmail.com), que por muitos anos trabalhou na Abril, onde chegou a comandar a Divisão de Revistas Infantis, e foi, entre outros, diretor de Comunicação do BFB e da TIM, e hoje atua como consultor. O briefing O falecimento do Roberto Civita me trouxe à lembrança momentos que compartilhei com ele, um cara realmente excepcional, fora da curva, que muitas vezes, durante acaloradas discussões editoriais e administrativas, nem parecia o dono… Dentre as lembranças, um episódio que aconteceu numa das reuniões de diretoria. Estávamos todos aguardando o Roberto quando ele entrou na sala, meio que rindo, meio que sem graça, com um pacote de fotos nas mãos. É, naquele tempo as fotos eram em preto e branco e reveladas em papel… Ao iniciar a reunião, Roberto espalhou as fotos diante de si e disse que havia aprendido uma lição, e queria compartilhá-la com todos, sobre briefing. Ele nos contou que tinha ido a Buffalo, nos Estados Unidos, dar uma palestra na universidade local, e contratado um fotógrafo, a quem brifara para tirar fotos suas durante a conferência. Na cabeça dele, Roberto, o cara iria tirar fotos dele, dos demais convidados, da plateia etc.. Mas, quando as fotos chegaram, eram mais de cem… E todas do Roberto no púlpito, sozinho, nos mais diversos ângulos. Sem graça, ele nos disse que apesar de lidar com comunicação todo o tempo tinha cometido um erro ao supor que o fotógrafo havia entendido o que ele queria… Rimos muito, foi divertido, até porque o RC não era o cara mais fotogênico do mundo. Porém, para mim, e acredito que para cada um dos presentes, valeu a lição: daquele dia em diante, cada vez que contratei um fotógrafo me lembrei da história e me certifiquei de que estava passando o briefing correto… Saudoso RC.