Band promove mudanças e enxuga equipe na Capital Federal

* Colaborou Kátia Moraes

 

O Grupo Bandeirantes reestruturou sua operação em Brasília e, nesse processo, fechou no final de novembro vagas na TV.

Saíram a colunista e editora dos Jornal da Band e Jornal da Noite Mariana Mazza, um iluminador, dois auxiliares cinematográficos, um dos funcionários de suprimento e uma de RH. O corte seria por razões financeiras, informação não confirmada pela empresa.

Na edição 1.080 de Jornalistas&Cia, que circulou nesta quinta-feira (8/12), informamos equivocadamente que  Thalyta Almeida havia sido demitida da Bandnews FM. Entretanto, ela segue na emissora, promovida após a saída de Fernanda Makini, que pediu demissão para cuidar de assuntos pessoais. A antiga vaga de Thalyta é que foi congelada.

Mariana (marianapmazza@gmail.com) estava há cinco anos na Band. Além de editora, era comentarista e especialista em telecomunicações e atuava também no site e na BandNews. Há dez anos acompanhando o setor de infraestrutura, iniciou carreira na Anatel, passando a se dedicar à cobertura do segmento na Gazeta Mercantil, escrevendo para o próprio jornal e também para o Investnews e o JB. De lá, seguiu para o Correio Braziliense, passando a acompanhar também as áreas de energia, transportes e aviação. Voltou às origens ao reforçar a equipe do noticiário especializado Teletime News/Telaviva News, onde passou a se dedicar exclusivamente à apuração dos serviços de telefonia, TV por assinatura, banda larga e televisão no Brasil.

Um pouco antes disso, o repórter de Nacional Valteno de Oliveira foi transferido para São Paulo, para ocupar a vaga de Fábio Pannunzio, que recentemente assumiu a bancada do Jornal da Noite no lugar de Boris Casoy. No lugar de Valteno, assumiu Victor Boyadjan (ex-Jornal da Noite). E para o lugar dele, foi contratada Lana Canepa, que havia sido editora do Jornal da Band. Juntamente com Caiã Messina, eles formam o trio de repórteres de rede da emissora em Brasília.